AAMP realiza mobilização para o enfrentamento da violência doméstica no Amazonas

A Associação Amazonense do Ministério Público (AAMP) vai realizar na próxima quinta-feira (16), um encontro com o tema “Violência Doméstica no Amazonas: Cenário 2019 e Perspectivas de proteção para as mulheres”.

O Encontro será realizado a partir das 9h, no Ministério Público do Amazonas, na Ponta Negra. Na oportunidade, a AAMP fará o lançamento da corrida anual, com o tema “O Combate à Violência Doméstica”. Os eventos fazem parte das ações da AAMP voltadas ao enfrentamento da violência contra a mulher.

Nesta quinta-feira (9), o presidente da AAMP, promotor Lauro Tavares, se reuniu com representantes do Fundo de Promoção Social (FPS), do Governo do Amazonas, e da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), da Prefeitura Municipal de Manaus, para buscar parcerias para a realização do evento.

Para Lauro Tavares, o encontro vai possibilitar mais visibilidade aos projetos que estão em andamento para o enfrentamento desse tipo de violência. “Precisamos levantar essas discussões para saber realmente qual é o problema que tem levado ao aumento nos casos. E ao mesmo tempo que discutimos, levamos até à sociedade, de certa forma, uma contribuição no sentido de conscientizá-la da gravidade desse tipo de crime”, ressalta.

A rodada de debate será uma troca de experiências e contará com a presença de diversas autoridades, representantes de órgãos públicos do Estado, e de pessoas que atuam em defesa e proteção das mulheres, que falarão sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido para dar assistência às vítimas de violência no Estado.

A secretária do Fundo de Promoção Social, Kathelen Santos, destaca que mesmo com o avanço das tecnologias, a falta de informação ainda é muito grande da população. “Mesmo com o acesso mais fácil a celulares e à internet, a população ainda não tem a informação em mãos. E esse encontro é muito importante porque podemos destacar o que o Governo está fazendo para atender essa demanda de violência doméstica em nosso Estado”, destaca.

Já a secretária municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania, Conceição Sampaio, destaca que é de grande importância que os órgãos trabalhem juntos para combater à violência doméstica. “É importante mostrarmos que há um trabalho permanente sendo feito, e mesmo que ainda não tenhamos alcançado aquilo que planejamos, mas que algo está sendo feito. Se a gente se unir e trabalhar em rede, esse resultado vai ser bem melhor e mais ampliado”, comenta.

Violência Doméstica no Amazonas

Os números estatísticos de violência doméstica no Brasil são alarmantes: são 600 casos por dia e somente em Manaus, 19 mil mulheres foram vítimas de violência apenas no ano de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *